quarta-feira, novembro 22, 2006

Não te amo mais.
estarei mentindo dizendo que
ainda te quero como sempre quis.
tenho certeza que
nada foi em vão.
sinto dentro de mim que
você não significa nada.
não poderia dizer jamais que
alimento um grande amor.
Sinto cada vez mais que
já te esqueci! E jamais usarei a frase
EU TE AMO!
Sinto, mas tenho que dizer a verdade
é tarde demais...

Autor Desconhecido

18 comentários:

caminhos disse...

O quemadre inspectora na ama na ama prontes. o cá prá i mais é gente boa... sabe aquela de num corras atrás dum home/mulhere sã como os autocarros daqui a tempo passa outro.
Gostou do Soli?
É cá tamei por isso o retrati
O poema é muito bom!
Beges

Teresa Durães disse...

hum...

quem tanto desmente é porque mente...

ai ai ai a menina!!!!

(isto de ser mais velha tem pinta!!!)

beijos (lusitanos ora toma!!!)

al-jib disse...

me engana que eu gosto!!!!!!

"ora ponha aqui
ora ponha aqui
o seu pezinho
ora ponha aqui
ora ponha aqui
ao pé do meu
ao retirar
ao retirar
o seu pezinho

...

leve o chinelo
leve o chinelo
que é todo seu"

lembras.te do par de meias deixado no hotel a caminho de Alte? o que me havia de lembrar!!!!!

eheheheheheheheeh

( olha o cumpadre Tuaregue anda com a grafenola empenada ... só repeat
"o poema é muito bom" ,"o poema é muito bom" )

vou.me p'ra dêta .é hoje qu'o cumpadre m'arreia .bêjes ,Meia Leca!

Cordda disse...

eu duvido...mas....

cordda

Teresa Durães disse...

o berbere que tenha cuidado com as palavras que de repente só li:

"vou.me p'ra dêta é hoje qu'o cumpadre"

ahahahahhahahaha

bejes bom fim de semana!!!

O'Sanji disse...

Aileh,
Lamento dar esta informação.
Esse é um pretenso poema, erradamente atribuído a Clarice Lispector.
Veja aqui e aqui.
-----
Há alguns dias que não passava por aqui.
Sinto falta de uns "amarelinhos" ;-)
Beijinho

caminhos disse...

Caturrinha fico muito agradecido, pelos vistos nã so só eu a repetir frases ehehehh
Berbere na durma munto cumpadre faz male á coluna

ailéh disse...

ó visenhe caminhos pos atão uma pessoa ás vezes na ta de amores

beijos

ailéh disse...

caturrinhaaaaaaaaaaa
tu na me des (mintas) tá bem?
oh tenhoq ue te comprar com beijos

ailéh disse...

Al _jib

Goste dessa musiquinha, faz .me lembrar o CAN-CAN.~

beijinhos

ailéh disse...

Cordda , bem vindo,
beijos abraçados

ailéh disse...

O'sanji
Obrigadissima pelo alerta, na mesma mesmo sem autor o poema vale o que vale... por isso ficará de autoria desconhecida.
um beijo

P.s os amarelinhos preciso de respirar uma nova brisa

al-jib disse...

atão olha.me lá ó Meia leca!
atão a Clarice Lispector passou a autore desconhecide ,hom'essa!

e ósdespôs o bêbede sou eu!!!!!

tá.se ,minha.

al-jib disse...

tem ponto final Caturra ... vou.me p'ra dêta tem ponto final

e se fosse c'o cumpadre tinhas alguma coisa com isse?
comixosa!!!!!!!
eheheheheheeheheheh

( desculpa Meia Leca mas ela 'stava.me a pedire )

Teresa Durães disse...

al-jib

tu pois pontos em todo o lado, sei lá se é final ou não

Teresa Durães disse...

e as deitas.. pensas que ando preocupada??? agora não é necessário deixares escrito nos blogs!!!!! (se não vêm os outros, arranjas uma embrulhada e quero ver como te safas!)

bejes

(p.s. comentei com a amiga algarvia essa palavra - comixosa - não ouvia há tanto tempo mas ela afirmou que é daí de baixo - logo li :P)

lisa disse...

Mais vale dizer logo a verdade, do que mentir...
Ora nem mais...

Beijo.

Gregorio Salvaterra disse...

Olha um poema de amor de pernas para o ar
Experimentem ler de baixo para cima
Eheheh