quinta-feira, junho 01, 2006

a memória dos nossos abraços

Foto: Mak Tub

1 comentário:

João disse...

Existem momentos perfeitos não é? eu acho que sim e só pessoas imperfeitas conseguem imortaliza-los e ou passar de geração em geração. Penso que fazes parte e prezas a imperfeição do mundo das pessoas imperfeitas que adoram momentos assim... Parabéns Obrigado por este bocadinho de abraço e silencio.